HarboR Informática Industrial Ltda.
info@harbor.com.br
+55 (48) 3333-2249

Aplicações na Nuvem: quais os benefícios e ganhos

Blog

Aplicações na Nuvem: quais os benefícios e ganhos

Empresas de todos os portes estão se perguntando se mudar para aplicações na nuvem irá economizar tempo e dinheiro. A resposta nem sempre é tão simples.

Aos poucos os medos e desconhecimento sobre esta nova fase da tecnologia vão abrindo espaço para a agilidade, simplicidade e acesso a informação a qualquer lugar.

Pensando nisso, questionamos:

Quais seriam os principais motivos para se pensar em migrar para aplicações na nuvem ao invés de ter que montar ambientes internos para seus sistemas?

É essa pergunta que vamos responder neste post.

Vamos lá?

Acesso em qualquer lugar e a qualquer momento

A nuvem permite que os colaboradores de uma empresa trabalhem remotamente de qualquer lugar do mundo.

De acordo com um artigo publicado pela revista americana eWeek, 1,3 bilhão de pessoas em todo o mundo estarão trabalhando remotamente até o final de 2017, o que equivale a 37,2% da força de trabalho global total.

O fato de colaboradores trabalharem em casa em tempo integral traz alguns benefícios de custo, como:

  • Redução nas despesas de aluguel
  • Menos escritórios
  • Economias em eletricidade, estacionamento, manutenção e segurança das instalações

Imagine num cenário:

“Um gestor (ou responsável técnico da fábrica) não se encontra no escritório e precisa tomar uma decisão importante.”

Temos 2 opções para continuar essa história:

  • ou ele terá que ligar para alguém da equipe para entender o problema e poder tomar alguma ação baseado no que este colaborador disse
  • ou, se utilizar aplicações na nuvem, poderá acessar o sistema diretamente do smartphone ou tablet para acessar todos os dados estatísticos e indicadores, os quais vão embasar melhor a decisão final.

Colaboração aprimorada

Uma das grandes vantagens de utilizar essas aplicações na nuvem é poder compartilhar, em tempo real, todas as atualizações com todos os colaboradores que têm acesso aos documentos.

Isso evita o problema de cada colaborador não ter acesso às informações corretas e atualizadas e dá mais solidez para as tomadas de ação.

Gerenciamento de Acessos

O ponto mais polêmico com relação aos sistemas Cloud, é o armazenamento dos dados. Muitas empresas têm informações sensíveis que precisam ser trabalhadas e tem receio de publicar as mesmas em ambientes externos, pensando em evitar vazamentos. Hoje, a tecnologia está mais robusta para garantir o máximo possível de segurança de dados.

Muitos sistemas que armazenam dados críticos na nuvem já são bem aceitos no mercado, como:

  • Salesforce para armazenamento de dados de clientes (CRM),
  • SAP Hana (ERP),
  • ContaAzul (Gestão Financeira Empresarial) e vários outros já consolidados no mercado.

Além do aparato tecnológico, as empresas que fornecem essas ferramentas apresentam em seus termos de uso, algumas garantias e mecanismos de proteção ao cliente.

Outro ponto importante que, mesmo com uma infraestrutura interna, a empresa que não optar pelas aplicações na nuvem, arcará com todos os custos de planejar, implantar e manter uma série de ações de segurança para evitar ataques, além de rotinas da backup e manutenção de toda infraestrutura.

Flexibilidade de custos

Montar uma infraestrutura de TI requer um grande esforço em:

  • Aquisição dos equipamentos
  • Instalação
  • Manutenção
  • Desenvolvimento
  • Manutenção dos sistemas.

Na cloud, você consegue solicitar uma estrutura em poucos cliques e já iniciar a instalação do seu sistema no mesmo momento, garantindo agilidade e menos burocracia no processo. Saiba como o modelo SaaS pode ajudar na implementação de um sistema MES no chão de fábrica.

Economias de escala

As empresas Cloud compram hardware em grande escala, o que lhes permite obter o melhor preço possível durante negociação com fornecedor.

Esses custos são dosados e equilibrado entre os demais usuários da Cloud, pois os clientes pagam apenas pelo que eles precisam, minimizando o desperdício de ter recursos não utilizados.

Menores taxas de manutenção de TI

Ao utilizar aplicações na nuvem, os clientes não precisam se preocupar com os custos de manutenção de TI, que podem ser muito altos.

As empresas da Cloud têm funcionários em tempo integral para se certificar de que seus servidores estão sempre disponíveis, com backup atualizado e toda segurança necessária para que os clientes não precisem se incomodar com nada.

Além disso, o equipamento do servidor pode ser muito caro e ocupar muito espaço.

As empresas já não precisam se preocupar com uma despesa de capital tão pesada e preocupações sobre manutenção e atualizações contínuas para evitar depreciação dos computadores que, ao passar do tempo, aumenta o risco de falhas em qualquer momento ou pior, tornarem-se obsoletos.

Outro gasto que acaba passando despercebido no começo de uma implantação de hardwares é o consumo de energia elétrica de toda infraestrutura, que muitas vezes precisa estar operando 24 x 7 para rodar todas as rotinas sistêmicas necessárias.

Atualizações instantâneas

As atualizações para servidores demoram semanas ou até meses dependendo das necessidades.

Ao usar um provedor de serviços na nuvem, uma empresa pode atualizar suas necessidades em questão de horas e não se preocupar em ter seu departamento de TI focado em atualizações em vez de suas tarefas diárias.

Concentre-se no que você faz melhor

É importante que as empresas se concentrem no que melhor fazem.

Uma fábrica não inicia a produção querendo se preocupar com seus servidores de dados. Eles querem entregar seus produtos, aumentar a produtividade / OEE, controlar os índices de qualidade.

Ao terceirizar suas necessidades de TI, os clientes não só podem economizar dinheiro, mas principalmente o tempo,  concentrando em atividades que tragam o retorno para seu negócio.

E a sua empresa, já utiliza aplicações na nuvem? Compartilhe conosco as suas experiências!

Conteúdo baseado no artigo do Cloudnine

Formado em Gestão da Tecnologia da Informação. Trabalha na HarboR desde 2016 atuando na Gestão de Projetos e Suporte da HarboR e na estruturação interna do PMO.

Confira o perfil completo no LinkedIn

Você também pode gostar de ler:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cancelar