HarboR Informática Industrial Ltda.
info@harbor.com.br
+55 (48) 3333-2249

Os 7 desperdícios na indústria segundo o Lean Manufacturing – PARTE 2

Blog

Os 7 desperdícios na indústria segundo o Lean Manufacturing – PARTE 2

No post anterior, vimos em Os 7 desperdícios na indústria segundo o Lean Manufacturing – PARTE 1 o que são os desperdícios na indústria e quem os conceituou, além de apresentar quatro dos sete existentes.

Recapitulando..

OHNO, o principal executivo da Toyota, conceituou a Manufatura Enxuta  como: “A eliminação de desperdícios na indústria e elementos desnecessários a fim de reduzir custos ..” conceituando posteriormente uma das maiores filosofias em produtividade do mundo: Lean Manufacturing.

Os últimos três desperdícios na indústria são:

5º Desperdício – SUPERPROCESSAMENTO

Se define por ser processamento desnecessário ou inadequado, máquinas e equipamentos  são utilizados de maneira inadequada nas operações.

6º Desperdício – TRANSPORTE

Se você já trabalhou com logística, sabe o trabalho e o custo que se tem para movimentar materiais em uma organização. Este desperdício se refere a movimentação mais que o necessária de equipamentos ou ferramentas e materiais que podem gerar desperdícios de tempo e aumento no custo do transporte.

7º Desperdício – MOVIMENTAÇÃO

Se define pelo excesso de movimento usados para realizar a operação. Geralmente ocorre quando se tem layouts mal elaborados ou fluxos de processo ruins.

 

Atualmente, estudiosos conceituam que existe um 8º desperdício não mencionado por OHNO e que é de extrema importância para sua produtividade.

Você consegue imaginar qual seria o 8º desperdício na indústria?

8º Desperdício

Conceituando então o último desperdício..  o CONHECIMENTO: se refere ao conhecimento e/ou habilidade intelectual do funcionário que são perdidos ou não aproveitados para a produção. Todo funcionário tem alguma habilidade a mais, uma experiência, algo a contribuir na sua função.

Entenda o conceito dos 8 desperdícios e aumente sua visão na empresa, trabalhe para diminuí-los e lembre-se: foco naquilo que agrega valor ao cliente. Corte gastos e aumente sua produtividade.

Como vimos no primeiro post, o LIVEMES é uma ferramenta poderosa inserida nesse meio da indústria juntamente com a tecnologia da indústria 4.0 em nuvem.

 

Entre em contato para saber mais informações. 

Você também pode gostar de ler:

Cursando última fase de Engenharia de Alimentos na Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC, com certificação Green Belt Lean Six Sigma. Estagiária na HarboR atuando na área de Controle Estatístico de Processo e Qualidade em diferentes áreas da indústria.

Confira Perfil Completo no Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cancelar